bannerfull

Bombeiros combatem incêndio em área ambiental de Praia do Forte

Denúncias de queimadas ilegais e outros crimes ambientais também podem ser feitas pelo telefone 0800 071 1400.

02 de março - 2017 às 10h12
Bombeiros-combatem-incndio-em-rea-ambiental-de-Praia-do-Forte

A Tarde // Foto: Divulgação

O Corpo de Bombeiros continua nesta quarta-feira, 1°, o combate ao incêndio que atinge a área ambiental de Praia do Forte, na cidade de Mata de São João, Litoral Norte na Bahia. O fogo, que segundo o Corpo de Bombeiros é considerado 'superficial', - aquele que é visível em vegetação com até 1.80 metros -, começou na área na tarde de segunda-feira, 27, às 14h e foi debelado por volta das 23h30 do mesmo dia. No entanto, o incêndio continua atingindo o solo, afetando o material orgânico em decomposição e raízes de plantas. O fogo ocorre sem chamas, produz pouca fumaça, mas também causa um imenso calor. Segundo os bombeiros, para combater esse tipo de incêndio é necessário um trabalho intenso com a utilização de muita água, além do trabalho braçal de revirar o solo para resfriar a área por completo. A corporação prometeu só deixar a área quando o local já não apresentar sinais de incêndio. Equipes dos bombeiros revezam-se entre os turnos para evitar que aumente a área afetada.

Em nota, a assessoria da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) informou que fornece aos grupos de combate todo o equipamento necessário para realização do serviço. "A Sema distribui equipamentos de proteção individual, transporte e suprimentos para as equipes de campo, pagamento de diárias para servidores e motoristas e locação de veículos e aeronaves". Esse início de ano é o período em que, segundo a secretaria, há maior ocorrência no registro de queimadas. A Sema orienta que o cidadão ao notar um sinal de incêndio, ligue para o número 193, para ativar a equipe de combate. Denúncias de queimadas ilegais e outros crimes ambientais também podem ser feitas pelo telefone 0800 071 1400, ou pelo e-mail denuncias@inema.ba.gov.br, diretamente nos balcões do Inema, na sede ou nas Unidades Regionais do órgão. 

Combate a incêndio

Segundo a Secretaria do Meio Ambiente, desde 2010 que o combate aos incêndios florestais no Estado da Bahia se tornou mais efetivo, com a criação do programa Bahia Sem Fogo. O Bahia Sem Fogo tem como objetivo coordenar as ações de prevenção, combate e monitoramento a incêndios em áreas de Unidades de Conservação (UCs) no estado, oferecendo infraestrutura e logística para as ações, quando necessário.

O programa é coordenado pela Sema, que integra e coordena o Comitê Estadual de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais da Bahia (instituído pelo Decreto nº 11.559, de 1º de junho de 2009), formado por representantes de secretarias estaduais, instituições municipais e federais, entre elas: o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), Casa Militar do Governador; Secretaria de Segurança Pública (SSP), Secretaria da Saúde (Sesab), Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Secretaria da Educação (SEC), Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), Secretaria de Turismo (Setur) e Corpo de Bombeiros Militares do Estado da Bahia (CBMBA).

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2017