bannerfull

Chapada Diamantina: novos roteiros e novas descobertas para o turismo

Grupo discute e busca novas formas de aprimorar o Turismo Pedagógico na região. Saiba mais!

29 de março - 2016 às 09h50

A Chapada Diamantina é inegavelmente um dos maiores destinos turísticos do Estado. Nos feriados, todas as cidades dessa zona turística recebem visitantes de todas as partes do mundo, querendo conhecer e aproveitar o que de melhor a Chapada Diamantina tem a oferecer. Desde a sua criação, o Parque Nacional da Chapada recebe milhares de visitantes tanto na baixa quanto na alta estação. Os roteiros oferecidos aos turistas são compostos pelos atrativos turísticos já roteirizados, não ofertando nada de mais atual ou inovador. Desta forma, entre os dias 24 a 29 de Março a Professora, Historiadora, Turismóloga e Mestranda em Educação Ana Carla Pereira, a convite de Cássia Nunes - Bacharel em Turismo em Formação, Proprietária da Agência Raízes da Chapada com sede no distrito de Guine, encontraram-se para discutir e traçar novos rumos para o Turismo na região, objetivando criar a partir de um olhar histórico cultural roteiros inovadores baseados do Turismo Cultural Pedagógico para região.

Através de visitas técnicas as Cidades de Lençóis, Mucugê, Andaraí, Igatú e Palmeiras, as profissionais identificaram a possibilidade de viabilizar a renovação dos roteiros turísticos e segmentá-los para a prática do Turismo Pedagógico na região. A Chapada Diamantina, na avaliação da Professora Ana Carla Pereira, oferece um celeiro cultural e histórico que precisa ser apreciado e valorizado pelos turistas. A região possuiu sua importância registrada no tempo áureo dos diamantes, aos quais os garimpeiros e tropeiros construíram a partir do seu legado um vasto patrimônio histórico e cultural que vai além das belezas naturais. A programação cumprida pelas profissionais e mais uma equipe interdisciplinar composta por Pedagoga e Engenheiro Florestal, foi baseada na visitação as Cidades, distritos e povoados mais conhecidos, assim como a seus atrativos, pesquisando a história local, o legado cultural e a audição espontânea, a qual os moradores locais puderam contar suas vivências e experiências como moradores dessa região.

Essa atividade de vivência, pesquisa, roteirização e exploração, foi muito importante para os profissionais envolvidos, pois percebe-se que a Chapada Diamantina atrai muitos visitantes, mas pouco deles exploram e conhecem a fundo a história, a cultura e as tradições da região. O turismo é hoje uma das atividades econômicas que geram impactos muito positivos nas Cidades, no entanto, é necessário um diálogo entre a comunidade e os visitantes. Por fim, foi possível verificar as potencialidades turísticas da região e a segmentação de novos roteiros étnicos, históricos, gastronômicos, fluviais, arqueológicos, de eventos, ecológicos e rurais. Desta forma, as profissionais de Turismos puderam com este trabalho avaliar as novas possibilidades de integrar seus atrativos a dinâmica de um segmento que possa ser direcionado as Escolas e Faculdades, Universidades de dentro e fora do Estado.
 


Para Cássia Nunes é muito importante criar novas alternativas para ampliação do turismo, sobretudo porque a atividade gera renda e emprego na região. Ela além de Turismóloga e Proprietária da Agência de Turismo Raízes da Chapada, também é moradora do distrito de Guine que pertence à cidade de Mucugê.  O objetivo de Cássia é atrair turistas para conhecer as regiões pouco conhecidas e exploradas na Chapada, assim como a cultura e a história de cada localidade. A Turismóloga, Historiadora e Mestranda em Educação Ana Carla Pereira finalizou a visita técnica, satisfeita com o mapeamento da Zona Turística das principais Cidades da Chapada Diamantina, acreditando que é possível desenvolver e melhorar o turismo nas Cidades, povoados e distritos, transformando a Chapada Diamantina em um destino sólido para as práticas de Turismo Pedagógico e Cultural no estado da Bahia.

Texto e Fotos: Ana Carla Nunes (acnpereira@hotmail.com)

Apoio, organização e agradecimentos: Cássia Nunes (Bacharel em Formação de Turismo / Proprietária da Raízes da Chapada), Cristiano Nunes (Engenheiro Ambiental em formação pela UFRB) Rafaela Guimarães (Pedagoga Uesc) e a Família do Sr Nelson e Créia Nunes da Comunidade do Vale do Guiné.

Contatos: http://raizesdachapada.blogspot.com.br/

Galeria de fotos

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2019