bannerfull

Ciro diz que foi traído por Lula: ‘Não farei mais campanha para o PT’

Candidato derrotado nega que tenha traído o partido e afirma que foi convidado a ser vice do ex-presidente no lugar de Haddad.

31 de outubro - 2018 às 10h01
Ciro-diz-que-foi-trado-por-Lula-No-farei-mais-campanha-para-o-PT

Bahia.Ba

Ciro Gomes (PDT), terceiro colocado na eleição presidencial, afirmou, em entrevista à Folha de S. Paulo, que foi “miseravelmente traído” pelo ex-presidente Lula e seus “asseclas”. “A gente trai quando dá a palavra e faz o oposto”, disse ele em seu apartamento, onde concedeu nesta terça-feira (30) sua primeira entrevista desde a eleição de Jair Bolsonaro (PSL). Questionado, Ciro nega ter lavado as mãos ao ter viajado para a Europa depois do primeiro turno. “Não declarei voto ao Haddad porque não quero mais fazer campanha com o PT”, declarou. O pedetista critica a atuação do PT para impedir o apoio do PSB à sua candidatura e diz que considerou um insulto convite de Lula para assumir o papel de seu vice no lugar Fernando Haddad (PT).

Na conversa, Ciro afirmou que não teme ser visto como um traidor pelos eleitores de esquerda.

“A gente trai quando dá a palavra e faz o oposto. Quem tiver prestado a atenção no que falei, está muito clara a minha posição de que com o PT eu não iria”, assinalou, ressaltando que, se puder, não quer mais fazer campanha para o PT. Para Ciro, Lula —preso desde abril, em Curitiba (BA)— se corrompeu por estar cercado de “bajulador, com todo tipo de condescendências”. “É tudo. Gleisi Hoffmann, Leonardo Boff, Frei Betto. Só a turma dele. Cadê os críticos? Quem disse a ele que não pode fazer o que ele fez? Que não pode fraudar a opinião pública do país, mentindo que era candidato?”, criticou.

Ex-ministro da era petista, Ciro diz o que levou a não aceitar o posto de candidato a vice-presidente de Lula. “Porque isso é uma fraude. Para essa fraude, fui convidado a praticá-la. Esses fanáticos do PT não sabem, mas o Lula, em momento de vacilação, me chamou para cumprir esse papelão que o Haddad cumpriu. E não aceitei. Me considerei insultado”, contou.

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2018