bannerfull

Festa de São Mundinho completa 17 anos com show especial de Canindé

Para ocasião tão especial, Canindé trouxe a banda completa e fez uma apresentação impecável, com canções autorais e grandes sucessos da MPB. Veja vídeo!

03 de julho - 2017 às 10h20
Festa-de-So-Mundinho-completa-17-anos-com-show-especial-de-Canind

ASCOM Ibititá

Neste domingo, 2 de julho, Dia da Independência do Brasil na Bahia, o Distrito de Canoão de Ibititá viveu uma noite memorável com um show especial de Canindé em celebração aos 17 anos da festa de São Mundinho. “É um prazer enorme estar aqui. Em Ibititá, me sinto em casa”, disse o cantor e compositor, para delírio dos fãs. A festa de São Mundinho teve início, de forma despretensiosa, em 2000, quando alguns amigos se juntaram e acenderam uma fogueira em frente à casa da senhora Ilsa Alves da Silva, mãe do comerciante Edmundo Batista Oliveira. Nos anos seguintes, com a chegada de uma estátua de madeira trazida pelo engenheiro Anselmo Alencar da cidade de Trindade, Goiás, nasceu o “mito” do São Mundinho, que não é santo, mas faz milagre. 

Para uma ocasião tão especial, Canindé trouxe a banda completa e fez uma apresentação impecável, com canções autorais e grandes sucessos de outros artistas da MPB, a exemplo de Zé Ramalho, Leandro e Leonardo, Amado Batista, Cássia Eller, Roberto Carlos, dentre outros. A música “Tudo Outra Vez”, de Belchior, por exemplo, foi dedicada ao prefeito Cafu Barreto. Todo mundo cantou junto os versos: “minha rede branca, meu cachorro ligeiro/ Sertão, olha o Concorde que vem vindo do estrangeiro/ O fim do termo saudade como o charme brasileiro/ De alguém sozinho a cismar”. Empolgado com a receptividade do público, a todo momento Canindé dizia “é hoje que eu só saio daqui amanhã”. 

Também se apresentaram Auriana e Carequinha dos Teclados e Os Dourados. A Festa de São Mundinho, que nasceu espontaneamente, agora faz parte do calendário cultural do município. 

Prefeitura de Ibititá - Cidade em Desenvolvimento
 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2017