bannerfull

Ibititá: em decisão definitiva, Dr. Chiquinho se torna FICHA SUJA

Ex-prefeito é reincidente e já teve contas rejeitadas e bens bloqueados pela Justiça. Confira todos os detalhes!

06 de outubro - 2020 às 13h11
Ibitit-em-deciso-definitiva-Dr-Chiquinho-se-torna-FICHA-SUJA

Divulgação

Nesta terça-feira (06), a juíza federal Paula Souza Moraes condenou o ex-prefeito de Ibititá Francisco Moitinho Dourado pela NÃO PRESTAÇÃO DE CONTAS de R$ 97.500,00 (noventa e sete mil e quinhentos reais) destinados à construção de quadra poliesportiva no Povoado de PEDRA LISA. A ação civil pública levou em conta os “prejuízos ao patrimônio público e o dano ao município”, que foi notificado pelo Ministério do Esporte por inadimplência. A decisão da magistrada tem caráter definitivo, ou seja: transitada em julgado e não cabe recurso. 

Por determinação da juíza federal Paula Souza Moraes, o ex-prefeito Dr. Chiquinho, como é conhecido o réu, teve os direitos políticos suspensos e seu nome foi incluído no Cadastro Nacional de Condenados por ato de Improbidade e se tornou FICHA SUJA. Além disso, foi multado e a decisão foi comunicada ao Ministério da Fazenda, à Advocacia Geral da União e à Procuradoria Geral do Estado da Bahia. 

Dr. Chiquinho, que apoia o candidato oposicionista Afonso Mendonça, é reincidente e já teve os bens bloqueados e contas rejeitadas pela EMISSÃO DE CHEQUES SEM FUNDO e por não concluir a Quadra Coberta da sede - caso escandaloso que envolve a destinação de recursos da SUDESB no valor global R$ 365.643,99 (trezentos e sessenta e cinco mil, seiscentos e quarenta e três reais e noventa e nove centavos).  

>>>CLIQUE AQUI E CONHEÇA TODOS OS DETALHES 

 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2020