bannerfull

Irecê completa uma semana sem aulas na rede estadual

Diretora da DIREC diz que situação foi resolvida e terceirizados voltam ao trabalho na quinta (20).

17 de março - 2014 às 12h13
Irec-completa-uma-semana-sem-aulas-na-rede-estadual

Eliene Vilela - Fotos: Beavis / Sertão Baiano

Daniel Pinto

Nesta segunda-feira (17), o município de Irecê, no norte baiano, completa uma semana sem aulas na rede estadual de ensino. Como foi antecipado pelo Sertão Baiano, o grande problema envolve a falta de pagamento a terceirizados e ao pessoal da Prestação Temporária de Serviço (PST). Entretanto, mesmo se a situação já estivesse sido regularizada, os mais de três mil alunos da cidade não teriam aulas, em função da paralização nacional dos professores, que se estende até quarta-feira (19) e cobra o cumprimento da Lei do Piso Nacional do Magistério.

No Colégio Luiz Viana Filho, que atende 1.200 alunos do Fundamental e Ensino Médio, é grande a expectativa pelo início do ano letivo. Enquanto segue o impasse, a direção aproveita para arrumar as salas e refazer o planejamento da Jornada Pedagógica. A condição se repete no Centro Territorial de Educação Profissional de Irecê (CETEP), onde o diretor da unidade, Raimundo Alberto Cavalcanti, já pensa na reposição das aulas para cumprir a meta de 200 dias letivos. “Acho que não teremos problemas, já que trabalhamos com aula de campo e outros mecanismos extracurriculares”.

De acordo com Cavalcanti, o CETEP goza de posição privilegiada desde que “um torneiro mecânico assumiu a presidência da República”. Mas, hoje, o maior drama do Centro Territorial de Educação Profissional é o acesso pela pista da Escola de Agricultura da Região de Irecê (Esagri), que está completamente esburacada. “É um grande transtorno”, completou.

“Alunos não serão prejudicados”, garante Eliene Vilela

Em conversa com a reportagem do Sertão Baiano, a diretora interina da DIREC Irecê, Eliene Vilela, garantiu que o problema com terceirizados e prestadores de serviço já foi resolvido. “Já foram pagos os meses de dezembro e janeiro e até amanhã [terça, dia 18] o mês de fevereiro será quitado. Existe, realmente, uma pendência ou outra com o kit alimentação. Mas, tudo será resolvido. Temos consciência de que o salário é um direito sagrado do trabalhador”.

Na avaliação da representante da Secretaria Estadual da Educação, nada impede que as aulas sejam retomadas nesta quinta-feira (20). Eliene Vilela destaca ainda que a programação de reposição será feita em tempo hábil e acredita que não haverá problema com o transporte escolar, que é fornecido pela Prefeitura de Irecê através de convênio com o Governo do Estado. “É preciso ter uma tolerância para entender a situação... Com certeza, não haverá nenhum contratempo e os alunos não serão prejudicados”.

Galeria de fotos

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2019