bannerfull

Jaques Wagner inaugura BA 148 em São Gabriel e Jussara

Governador recebe agradecimento por obra, mas é surpreendido com “facada” da prefeita Gea Rocha.

25 de julho - 2014 às 12h49
Jaques-Wagner-inaugura-BA-148-em-So-Gabriel-e-Jussara

Fotos: Beavis / Sertão Baiano

Daniel Pinto

Nesta sexta-feira (25), o governador Jaques Wagner esteve na Região de Irecê para inaugurar a BA 148, obra recém concluída, que faz a ligação entre a BA 052 (Estrada do Feijão) e os municípios de São Gabriel e Jussara. Na primeira cidade, governada pela prefeita Gea Rocha, o chefe do Executivo estadual foi recebido de forma calorosa por uma plateia pequena. Entretanto, no palco, Wagner teve a companhia dos secretários estaduais Marcus Cavalcanti (Infraestrutura) e Cícero Monteiro (Relações Institucionais) e representantes da Prefeitura de São Gabriel; além de vereadores, políticos, lideranças ligadas à base aliada e prefeitos das cidades de Central, Uibaí, Ibipeba, Ibititá, Jussara, Xique-Xique e Barro Alto.

A prefeita Gea Rocha, anfitriã do evento, abriu o discurso fazendo homenagem póstuma a Rilza Valentim. “Neste 25 de julho, Dia da Mulher Negra, quero pedir uma salva de palmas a nossa amiga de São Francisco do Conde, que faleceu de forma prematura”. Em seguida, para destacar a parceria entre município e Estado, a gestora elencou uma série de conquistas ratificadas por convênios com o Governo Wagner, com destaque para a entrega de ônibus escolar e ambulância, atendimentos pelo Programa Saúde em Movimento, realização dos festejos juninos e projeto de recuperação do Estádio Municipal.

Apesar do reconhecimento das ações e agradecimento pela recuperação da BA 148, Gea Rocha aproveitou a oportunidade para pedir ao governador a construção de uma rotatória na entrada da cidade e a implantação de postes de iluminação, além da construção da estrada entre a sede e o povoado da Gameleira do Jacaré. “A prefeita falou tudo que fiz, o que me deixou muito alegre, depois meteu a faca”, brincou o governador, para logo em seguida acrescentar: “mas, tem que ser assim mesmo, é para o bem de vocês”.

Domingueira - Durante pronunciamento, Jaques Wagner disse que já autorizou a construção da rotatória, para evitar acidentes, e que a estrada da Gameleira é um compromisso, que aguarda apenas a liberação de empréstimo para dar início ao processo licitatório. “Minha ideia é começar a obra até dezembro, mas o próximo governador que fará a inauguração”. Em função das limitações impostas pela Justiça Eleitoral, foi bastante comedido ao falar sobre política. Na verdade, limitou-se a enaltecer os avanços conquistados após a ascensão do PT. “O Brasil melhorou muito depois de Lula e Dilma. Não dá nem para comparar com o que tinha antes. Na Bahia, então, a mudança foi da água para o vinho. Antes, tínhamos apenas uma universidade federal. Hoje, são seis”, pontuou.

Ao final, em novo momento de descontração, Jaques Wagner pediu licença ao marido da prefeita para dizer que ela estava muito bonita e que tinha vestido “a domingueira para receber o governador”, numa alusão a um velho costume interiorano de vestir as melhores roupas no domingo.

Logo depois, a comitiva oficial seguiu para Jussara para inaugurar novamente a mesma rodovia.

Leia matérias relacionadas:

Morre prefeita de São Francisco do Conde, Rilza Valentim

População “come poeira” para chegar em São Gabriel e Jussara

Galeria de fotos

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2020