bannerfull

Manual Antirracista de Djamila Ribeiro é livro mais vendido do país

Respeite nossa história de luta e resistência! Chora, Brasil colonial!

18 de junho - 2020 às 08h55
Manual-Antirracista-de-Djamila-Ribeiro-livro-mais-vendido-do-pas

Mundo Negro // Veja

“O livro mais vendido do Brasil é de uma mulher preta”, anuncia a filósofa e escritora Djamila Ribeiro, ao revelar que seu livro ‘Pequeno Manual Antirracista’ é o mais vendido no país durante o mês de Junho. No livro, a autora fala sobre dez breves lições para entender as origens do racismo e como combate-lo, tratando de temas como atualidade, negritude, branquitude, violência racial e outros. Ela argumenta ainda que, a prática antirracista está nas atitudes do cotidiano, tendo que ser utilizados por todas as classes, cores e gêneros.

“A mãe da Thulane, uma mulher preta é a autora que mais vende livros no Brasil. Chora, Brasil colonial! É histórico!” Escreveu Djamila em suas redes sociais. “Essa notícia não é uma conquista só para mim… É uma conquista para todos os grupos com quem converso, troco e aprendo. É uma conquista para meus ancestrais, para quem pavimentou o chão para que minha geração pudesse pisar. Já nos ensinou Lélia González, nosso legado não é somente de dor, mas um legado de luta e resistência.” Completou ela.

Na lista de mais vendidos divulgada pela revista Veja estão os outros dois livros da escritora “Quem tem medo do Feminismo Negro?” em quinto lugar e “Lugar de Fala” em décimo. Além de outras importantes obras para entender o Brasil e superar essa terrível fase: 

Racismo Estrutural, Silvio Almeida
Escravidão - Vol. 1, Laurentino Gomes
A Elite do Atraso, Jessé Souza
Sobre o autoritarismo brasileiro, Lilia Moritz Schwarcz


Confira! 

 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2020