bannerfull

Martagão lança campanha para manter programa de transplantes

Se ligue no McDia Feliz 2021 e saiba como ajudar!

26 de agosto - 2021 às 13h09
Martago-lana-campanha-para-manter-programa-de-transplantes

O que Notícias? / Divulgação

A pequena Maria Júlia tem apenas quatro anos, mas já enfrenta uma luta árdua. Diagnosticada com neuroblatoma, um tumor em estágio avançado, ela, que mora em Feira de Santana, precisava de um transplante de medula óssea (TMO). O problema é que, para a idade dela, não havia na Bahia, pelo SUS, serviço disponível. As opções eram se mudar para Brasília ou São Paulo e deixar o convívio familiar para fazer o tratamento. A possibilidade de realizar o tratamento perto de casa e dos familiares só ocorreu porque o Martagão, desde outubro do ano passado, passou a ser o único hospital do estado pelo SUS a fazer transplantes de medula óssea em crianças e jovens de 0 a 18 anos (o TMO já era realizado por outras unidades de saúde, mas somente em casos a partir dos 14 anos). 

Para manter o programa que beneficia crianças de todo o estado, o Martagão lançou, nesta quarta-feira (25), a campanha do “McDia Feliz 2021”. Desde ontem, baianos, organizações e empresas poderão ajudar o Hospital, com a compra antecipada dos tíquetes, que poderão ser trocados por um Big Mac no Dia D que, este ano, acontecerá em 23 de outubro. Toda a renda obtida com a ação nacional, que, na Bahia, contempla o Martagão, será revertida para o TMO. “Receber a notícia foi difícil. Minha filha sentia muita dor. Não aguentava mais ver ela sofrer tanto”, conta a mãe, Simone Conceição. O caso da paciente era indicado para transplante. “Eu pedi tanto a Deus que não levasse a gente para longe. Aí a médica disse que o Martagão tinha aberto vagas para transplantes”, acrescenta.

Superintendente da Liga Álvaro Bahia (mantenedora do Martagão), Antônio Novaes explica que o transplante de medula óssea do hospital custa cerca de R$ 80 mil, sendo R$ 30 mil repassados pelo SUS e os R$ 50 mil restantes oriundo de doações via McDia Feliz. “Esta campanha é fundamental. Foi o McDia que viabilizou a realização desse sonho. É um serviço caro, complexo. Foram necessários muitos investimentos em estrutura física, equipamentos, treinamento da equipe. Precisamos do apoio para manter esse programa funcionando”, destaca.

>>>Clique AQUI e saiba mais

 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2021