bannerfull

Música pra elevar a alma: Resposta ao Tempo

Canção interpretada por Nana Caymmi foi tema da minissérie Hilda Furacão. Ouça e se emocione!

14 de novembro - 2014 às 11h22

A letra de Resposta ao Tempo é de Cristóvão Bastos e Aldir Blanc, dois compositores consagrados da MPB. Apesar de existirem outras interpretações, foi imortalizada na voz de Nana Caymmi, especialmente após a exibição da minissérie Hilda Furacão, em 1998, na Rede Globo, quando a canção foi o tema de abertura. Resposta ao Tempo foi contemplada com o Prêmio Sharp na categoria Melhor Música e encerrou a retrospectiva das Melhores Canções do Século XX, selecionadas pelo musicólogo Ricardo Cravo Albin, com base no acervo da EMI-Odeon.

 

Resposta ao Tempo

Batidas na porta da frente é o tempo
Eu bebo um pouquinho pra ter argumento
Mas fico sem jeito, calado, ele ri
Ele zomba do quanto eu chorei
Porque sabe passar e eu não sei

Um dia azul de verão, sinto o vento
Há folhas no meu coração é o tempo
Recordo um amor que perdi, ele ri
Diz que somos iguais, seu eu notei
Pois não sabe ficar e eu também não sei

E gira em volta de mim, sussurra que apaga os caminhos
Que amores terminam no escuro sozinhos

Respondo que ele aprisiona, eu liberto
Que ele adormece as paixões, eu desperto
E o tempo se rói com inveja de mim
Me vigia querendo aprender
Como eu morro de amor pra tentar reviver

No fundo é uma eterna criança que não soube amadurecer
Eu posso, ele não vai poder me esquecer

Respondo que ele aprisiona, eu liberto
Que ele adormece as paixões, eu desperto
E o tempo se rói com inveja de mim
Me vigia querendo aprender
Como eu morro de amor pra tentar reviver

No fundo é uma eterna criança que não soube amadurecer
Eu posso ele não vai poder me esquecer
No fundo é uma eterna criança que não soube amadurecer
Eu posso ele não vai poder me esquecer

 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2019