bannerfull

Nepotismo: MP dá 10 dias para prefeito de Eunápolis exonerar parentes

Em fevereiro, o prefeito Robério Oliveira foi orientado a demitir o irmão do vice do de superintendente de gestão administrativa.

26 de julho - 2017 às 09h01
Nepotismo-MP-d-10-dias-para-prefeito-de-Eunpolis-exonerar-parentes

Bocão News

O Ministério Público estadual deu 10 dias para o prefeito de Eunápolis, Robério Oliveira (PSD), exonerar a filha e o irmão. De acordo com o promotor de Justiça Dinalmari Mendonça Messias, Larissa Oliveira e Lourêncio Oliveira não possuem qualificação técnica para ocuparem os cargos de secretária de Assistência Social e secretário de Agricultura e Meio Ambiente, respectivamente. Segundo o promotor, as nomeações ocorreram “simplesmente pelo fato deles serem respectivamente irmão e filha do atual prefeito". Dinalmari Messias esclarece ainda que a nomeação de parente configura nepotismo e atenta contra os princípios da legalidade, moralidade e eficiência, que devem nortear o agente público. O promotor de Justiça também recomendou a exoneração da esposa do vereador Waldemir Batista (irmão do prefeito), Marta Edi Souza, do cargo de diretora Especial da Atenção Básica. Em fevereiro deste ano, o MP pediu ao prefeito Robério Oliveira que exonerasse Rodrigo Baioco, irmão do vice-prefeito Flávio Baioco, do cargo em comissão de superintendente de gestão administrativa. 

 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2017