bannerfull

OAB-BA ampara profissionais infectados pelo covid-19

Pesquisa mostra que advogados e advogadas avaliam positivamente a iniciativa da CAAB em implementar o Auxílio Alimento.

17 de abril - 2020 às 07h50
OAB-BA-ampara-profissionais-infectados-pelo-covid-19

Divulgação

Tomada de surpresa, como todos, pela pandemia do coronavírus e suas consequências diretas e indiretas, como o isolamento social determinado pelas autoridades de saúde, a CAAB de imediato adotou ações com o objetivo de amparar advogados e advogadas em situação de vulnerabilidade financeira. Associados que enfrentariam maiores dificuldades no seu dia a dia face à nova realidade que se abateu sobre todos. Através da Resolução nº 2, de 19 de março de 2020, implementou a extensão do Auxílio Pecuniário para os profissionais infectados pela Covid-19, que concede até três salários mínimos para os requerimentos aprovados. Já a Resolução nº 05/2020 instituiu a concessão do benefício Auxílio Alimento CAAB, que atendeu os que se cadastraram para receber as cestas de alimentos em Salvador e nas 36 subseções da OAB-BA no interior do Estado. As resoluções baixadas pela Caixa de Assistência tiveram como base os recursos e as determinações do Fundo de Integração e Desenvolvimento Assistencial dos Advogados (FIDA).

Com aqueles que receberam o Auxílio Alimento a instituição realizou uma pesquisa, a qual mostra que quase 80% avaliaram positivamente a iniciativa da Caixa de Assistência para mitigar os problemas enfrentados por profissionais que se encontram em vulnerabilidade financeira e tiveram a situação agravada por conta do isolamento social determinado pela pandemia do coronavírus. O sistema de entrega, Drive-Thru CAAB, que garantiu a segurança, agilidade e conforto para os associados que foram retirar o benefício, visto que não precisaram nem descer do carro, recebeu aprovação de 97,4% dos entrevistados. A pesquisa também revelou que 96,2% afirmaram ter encontrado facilidade para acessar o site da CAAB e realizar o cadastro para receber o benefício, que foi entregue na sede da instituição em Salvador e também nas 36 subseções da OAB-BA no interior do Estado. A qualidade dos produtos recebeu avaliação positiva de 90,1% das respostas.

Muitos foram os relatos de advogados e advogadas que reconheceram a iniciativa e também a condução da CAAB na logística de entrega do auxílio. “O auxílio foi muito importante, pois neste momento como autônomo e não vinculado a nenhum escritório não estou recebendo nenhuma renda. Estou muito feliz com os produtos da cesta oferecida e agilidade do serviço! Parabéns CAAB!”, disse um advogado de 40 anos. Já outro associado de 52 anos fez questão de registrar gratidão e parabenizou o empenho dos colaboradores: “Numa sexta-feira Santa, num momento de pandemia, nos atenderam com respeito e acolhimento único. O auxílio foi muito bem recebido por mim e pela minha família”. “Uma bela iniciativa, em um momento tão difícil como esse ter esse amparo faz diferença para muitos advogados que se encontram preocupados e sem saber como vai ser o futuro. Parabéns pela iniciativa”, disse uma advogada acrescentando que em sua opinião a seccional poderia ter feito mais. “Mas não posso deixar de parabenizar pela qualidade dos alimentos fornecidos. Estou muito feliz pela iniciativa da CAAB. Não imaginava que junto com a cesta receberia um sorriso da minha família, que diretamente foi beneficiada. Sinto gratidão e orgulho por fazer parte dessa classe”. 

Outra advogada de 35 anos agradeceu o auxílio e parabenizou a CAAB pela forma rápida que foi disponibilizado e com produtos de boa qualidade. “Como sugestão, deixo a possibilidade de que, além dos alimentos, haja o fornecimento de produtos de limpeza com preferência do álcool em gel e máscaras de proteção, principalmente em razão da dificuldade de encontrarmos estes produtos como pessoa física”. “Gostaria de agradecer por essa importante ajuda nota 10 para OAB/CAAB. O auxílio da cesta básica foi bom, porém se pudesse ser em dinheiro seria ainda melhor. Espero que estudem essa possibilidade”, comentou outro profissional da jovem advocacia que enfrenta o isolamento social. Os depoimentos colhidos pela pesquisa mostram a boa avaliação que os advogados e advogadas atribuíram às ações da CAAB nesse momento inesperado e perturbador, confirmam que enquanto a maioria apoia a instituição na realização dessas ações, alguns utilizam o momento, de forma inapropriada, para fazer política de classe em oposição ao trabalho da atual gestão, o qual vem sendo avaliado positivamente pela classe.

Caixa de Assistência

Para o presidente da CAAB, Luiz Coutinho, apesar das limitações o objetivo desta gestão é prestar apoio incondicional a advogados e advogadas da Bahia. “O momento possibilita refletir sobre o nosso papel enquanto Caixa de Assistência perante a advocacia baiana e como devemos trabalhar ainda mais intensamente em meio às adversidades. Sabemos que as medidas restritivas já estão impactando muitas famílias. Por isso, não vamos nos furtar do nosso papel e vamos garantir, dentro da nossa missão, o alimento na mesa dos colegas que, nesse momento, estão precisando do nosso apoio”, pontuou. Luiz Coutinho ressalta que a pandemia e o isolamento afetam a todos, em especial os advogados e advogadas que se encontram com essa carência financeira. “Com o benefício a CAAB atua de maneira social e cumpre o seu principal papel. Não fica indiferente ao sofrimento desses associados, que estão sendo mais impactados com essa situação difícil e inesperada. O certo é que juntos poderemos fazer a diferença, aprendendo com toda esse árduo momento para transformar o dia a dia de cada um mais solidário e humano”.

O secretário-geral adjunto da CAAB, René Viana, que coordenou a logística de entrega do benefício em Salvador e Região metropolitana, lembra que a pandemia do coronavírus surpreendeu a todos, no mundo inteiro e chegou ao Brasil afetando rotinas e redobrando cautelas. “Na Bahia temos um cenário onde prognósticos ainda são imprecisos, mas requerem ações que se fazem imprescindíveis. Dentre os projetos desenvolvidos pela Caixa, buscando mitigar os efeitos da pandemia sobre a advocacia, o Auxílio Alimento CAAB se revela uma medida sensível e exitosa. Trata-se de um projeto desenvolvido em todo o estado, direcionado a colegas que, surpreendidos pela interrupção obrigatória de suas atividades, enfrentam situação de vulnerabilidade financeira imediata”.

Prosseguindo, Viana ressalta que para a execução desse projeto que contempla advogados e advogadas em todo o Estado, montou-se uma logística que, observando as orientações das autoridades sanitárias de proteção individual e evitando a ocorrência de aglomerações, possibilitasse a entrega e o recebimento com segurança, tanto para advogados e advogadas contemplados(as) quanto para os colaboradores da CAAB envolvidos nessa operação. “Esse é um projeto muito importante, sobretudo para essa ocasião. Tenho certeza que a CAAB prosseguirá empenhada em disponibilizar à classe medidas que auxiliem na superação do difícil momento que vivemos”.

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2020