bannerfull

Rui ‘Correria’ anuncia licitação da Estrada do Feijão e construção de ponte entre Xique-Xique e Barra do Rio Grande

Obra vai custar R$ 120 milhões e pretende integrar as economias da Região de Irecê e do oeste do estado, garante governador.

02 de abril - 2018 às 17h55
Rui-Correria-anuncia-licitao-da-Estrada-do-Feijo-e-construo-de-ponte-entre-Xique-Xique-e-Barra-do-Rio-Grande

Fotos: Sertão Baiano // Reprodução YouTube

Na isolada Gameleira do Jacaré, zona rural de São Gabriel, Região de Irecê, o governador Rui Costa inaugurou, na manhã desta segunda-feira (02), o Colégio Estadual Almerinda Almeida, que tem capacidade para atender 350 alunos do Ensino Médio e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Além disso, o governador - chamado a todo momento pelo locutor oficial como Rui ‘Correria’ - também entregou ambulâncias aos municípios de Gabriel, Presidente Dutra e Irecê e assinou convênios (com a cidade anfitriã) de cooperação técnica para Agricultura Familiar e ordem de serviço para implantação de gramado no estádio municipal.  

Mesmo com todos os benefícios citados, era grande a expectativa entre os moradores do Distrito de Gameleira, cuja principal via de acesso é a BA-435, estrada de 32 km de extensão que liga a localidade à sede do município, passando pelos povoados de Variante I e II, Besouro e Pitial.  Do helicóptero (modelo EC-135 da Helibras), veículo escolhido pelo govenador para chegar ao evento, Rui Costa pôde observar o péssimo estado de conservação da rodovia. Apesar do drama vivido pela comunidade, ele disse que não “faz promessa só para receber aplausos”. Segundo o gestor, seriam necessários R$ 15 milhões para recuperar completamente a BA-435. Como não há, pelo menos no momento, possibilidade de realização da empreitada, o Governo do Estado pretende requalificar um trecho e dividir a obra em três etapas. 

Ainda na mesma cerimônia, Rui ‘Correria’ anunciou a realização de licitação para recuperar a BA-052, popularmente conhecida como Estrada do Feijão. O objetivo é promover uma PPP (Parceria Público-Privada) que inclua a construção da ponte entre os municípios de Xique-Xique e Barra do Rio Grande. Atualmente, a travessia é feita por balsa.

De acordo com o chefe do Poder Executivo estadual, a ideia é garantir ao vencedor da licitação a exploração do serviço por 20 anos. “Uma obra de R$ 120 milhões, que vai facilitar a integração das economias da Região de Irecê e do oeste do Estado”, projetou. 

 

Galeria de fotos

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2018