bannerfull

Startup arrecada mais de 11,5 toneladas de resíduos recicláveis em Camaçari

Patrocinada pela Braskem e com suporte da Prefeitura, unidade da Casa So+ma atende cerca de 300 mil pessoas. Vale a pena conhecer essa história!

01 de fevereiro - 2022 às 10h12
Startup-arrecada-mais-de-115-toneladas-de-resduos-reciclveis-em-Camaari

Atcom

Há quatro meses, o vendedor ambulante Gildácio Barbosa, de 55 anos, criou um novo hábito: coletar resíduos recicláveis. Inicialmente, ele juntava apenas o que gerava em casa e com a venda de água mineral em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Mas o interesse aumentou e ele também passou a recolher os resíduos de comerciantes: garrafas PETs, embalagens plásticas, sacolas, copos, entre outros itens que encontrava no entorno do seu trabalho. "Eu entendi que se a gente descartar no local errado, esse material vai misturado para o aterro ou então é deixado na rua entupindo os bueiros e causando os alagamentos. Então, essa é uma forma que tenho de colaborar com a natureza. Ela agradece", explica Gildácio, que entrega os itens na Casa So+ma instalada no Centro Comercial de Camaçari – “Feira”, com patrocínio da Braskem. 

"Antes, eu não reciclava, mas a Casa So+ma fica do lado de onde trabalho. Desde a inauguração, me cadastrei e comecei a juntar o material", explica o vendedor ambulante, que em quatro meses arrecadou mais de 87 kg de resíduos. Além de contribuir com a economia circular, a ação de Gildácio rende pontos para ele no Programa so+ma vantagens, criado pela startup de impacto ambiental, so+ma, para incentivar a reciclagem e o descarte correto. Por meio da entrega de resíduos, a população pode acumular pontos para trocar por benefícios, como cursos e produtos básicos (mantimentos e itens de higiene) ou por doações para ONGs locais. 

De acordo com a cientista social Claudia Pires, que fundou a startup, o Programa so+ma Vantagens tem como objetivo a mudança de hábitos do cidadão, promovendo a aprendizagem, através dos impactos positivos decorrentes da reciclagem na prática. "O tema reciclagem é novo para muitas pessoas. Por isso, esse processo de aprendizado e estímulo no entorno da casa é contínuo e já observamos diferentes perfis de participantes. Nosso objetivo, de curto prazo, é aumentar o número de inscritos, alcançando uma boa massa crítica para então, através da mudança de comportamento, estimular e alcançar maiores volumes, como consequência", pontua.

A gerente de Relações Institucionais da Braskem na Bahia, Magnólia Borges, também defende que mudanças de atitudes são fundamentais para reduzir o impacto negativo no planeta. "Precisamos agir no presente para alcançar um futuro mais sustentável. Por isso, incentivamos o consumo consciente, o descarte correto dos resíduos e a reciclagem. O fortalecimento da economia circular permite que os recursos naturais sejam utilizados de forma mais eficiente, com redução de emissões de gases de efeito estufa e sem abrir mão dos benefícios que os diversos materiais recicláveis, incluindo o plástico, agregam ao nosso dia a dia", afirma.

Já o presidente da Empresa de Limpeza Pública de Camaçari (Limpec), Áldene Motta, destaca a importância do projeto para o município. “Chegar à marca de 11 toneladas de resíduos reaproveitados através do projeto Casa Soma é a prova de que estamos empenhando bem nossos esforços, no sentido de transformar Camaçari numa cidade educada para o descarte. Fico feliz em participar do projeto e ver que a iniciativa tem diminuído o impacto do consumo no nosso meio ambiente.” 

Camaçari - Primeira unidade do projeto na Região Metropolitana de Salvador, a Casa So+ma de Camaçari foi inaugurada em setembro, arrecadando mais de 11,5 toneladas de resíduos reciclados até dezembro de 2021. Esse material foi entregue para a cooperativa local COOPMARC, que é responsável pela destinação correta do material, evitando que seja encaminhado para o aterro sanitário. O impacto do volume reciclado representa a economia de aproximadamente 485 mil de litros de água e evita a emissão de mais de 22 mil kg de CO2, o desperdício de quase 30 mil kWh de eletricidade e a contaminação de mais de 2,6 milhões de litros de água. 

A unidade de Camaçari, que atende os cerca de 300 mil moradores da cidade, conta com o patrocínio da Braskem e o suporte da Prefeitura de Camaçari, por meio da Empresa de Limpeza Pública de Camaçari (Limpec). Além de promover a educação ambiental por meio do incentivo à reciclagem, o projeto contribui com a geração de renda para a COOPMARC, cooperativa parceira da ação, que comercializa o material arrecadado.

SERVIÇO 

Cada casa so+ma recebe os materiais recicláveis da população e os destina para uma cooperativa da região. Um atendente auxilia na pesagem dos resíduos e na computação dos pontos. Para se cadastrar no Programa so+ma vantagens em Camaçari ou saber mais sobre o projeto, acesse o site www.somavantagens.com.br.

Confira o endereço:

Centro Comercial de Camaçari - Centro, Camaçari - BA, 42800-230.

 

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2022