bannerfull

TSE CONFIRMA ANULAÇÃO DAS ELEIÇÕES EM JOÃO DOURADO

Justiça Eleitoral reconheceu ilegalidade da chapa Di Cardoso - Rita de Cássia. Data do novo pleito vai ser definida pelo TRE-BA!

18 de março - 2021 às 19h19
TSE-CONFIRMA-ANULAO-DAS-ELEIES-EM-JOO-DOURADO

Di Cardoso protagonista da tragédia anunciada / Foto: Divulgação

Em sessão ordinária nesta quinta-feira (18), o pleno do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), depois de muita expectativa, manteve a decisão do ministro Luís Felipe Salomão e indeferiu a chapa Di Cardoso - Rita de Cássia, tornando nulo o resultado das eleições 2020 em João Dourado. A decisão, finalmente, confirmou a denúncia da oposição sobre a ilegalidade da candidatura e uso da Prefeitura Municipal em benefício de projeto político de poder. A tão aguardada eleição extraordinária (apenas para cargos de prefeito e vice) vai ser marcada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). A população joão-douradense, enfim, terá o privilégio de escolher representantes legítimos que possam garantir a continuidade dos serviços públicos e tenham competência para conduzir a cidade neste momento tão turbulento da história.

Nessa conjuntura, a ex-vereadora Rita se torna “carta fora do baralho”. Di Cardoso assume o papel de protagonista na tragédia anunciada. Na luta para reverter decisão do TRE que o torna inelegível, Juninho ainda alimenta o sonho de disputar a Prefeitura no pleito que se avizinha. A novidade no cenário político é o surgimento do advogado Fernando de Celso, filho do ex-prefeito, como nome viável para aglutinar forças e construir uma alternativa para o município à deriva.   

>>>Matérias Relacionadas 

TSE anula eleição em João Dourado   

Sem dó nem piedade: Di Cardoso desqualifica viúva de Dr. Celso

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2021