bannerfull

Madrugada de terror em Seabra durante assalto ao Banco do Brasil

Cerca de 20 homens fortemente armados explodiram o cofre da agência e dispararam tiros de fuzil durante quase toda ação.

03 de fevereiro - 2016 às 10h23
Madrugada-de-terror-em-Seabra-durante-assalto-ao-Banco-do-Brasil

Jornal da Chapada / Fotos: Reprodução

A população do município de Seabra, na Chapada Diamantina, viveu uma madrugada de terror nesta quarta-feira (3) durante assalto ao Banco do Brasil. Cerca de 20 homens fortemente armados explodiram o cofre da agência e dispararam tiros de fuzil durante quase toda ação. O assalto aconteceu por volta de 1h10 e, segundo relatos de moradores, os tiros foram ouvidos pela cidade e as cápsulas foram encontradas em diferentes pontos do local do crime. “Centenas de tiros de diversos calibres. Cápsulas de fuzil espalhadas pelas ruas. Centenas de tiros não é exagero, foi uma hora de terror”, declara um dos moradores ao Jornal da Chapada. Apuração inicial aponta que uma caminhonete Hilux de cor preta, um Corola branco, um Citroën e um Gol modelo antigo (quadrado) foram utilizados na ação que durou aproximadamente 30 minutos.

Ainda há informações de que o taxista, proprietário do Corola, foi feito de refém, mas foi liberado logo que os bandidos fugiram. Os criminosos seguiram pela estrada Boa Vista, que poderá chegar até a zona rural de Iraquara, área da 42ªCipm/Lençóis. As guarnições da Cipe/Semi Árido, Cippa/Lençóis, Cipt/Chapada, 42ªCipm e PRF foram acionadas e estão diligenciando na região. Os quatro policiais militares que estavam em serviço na cidade de Seabra ficaram aquartelados durante a ação aguardando a chegada dos reforços.

Galeria de fotos

Comentários

netools comunicação digital
Sertão Baiano - Todos os direitos reservados © - 2019